Ativistas da Extinction Rebellion paralisaram as ruas de Londres com um barco cor-de-rosa em homenagem à defensora ambiental hondurenha Berta Cáceres, morta em 2016.

Você gosta das Notícias Zero Fósseis? Inscreva-se aqui e assine a news, enviada a cada duas semanas para o seu e-mail.

Caso você esteja por fora

Virada de chave? Ações climáticas de desobediência civil tomaram as ruas de Paris e Londres. Mais de mil ativistas da Extinction Rebellion foram presos em Londres. Com uma mensagem forte e táticas controversas, a organização chamou a atenção do público enquanto uma onda de calor atingia o Reino Unido no fim de semana da Páscoa. Cenas parecidas foram presenciadas em Paris, com 2 mil pessoas protestando contra o Estado e sua cumplicidade com grandes poluidores como a Total. Leia mais


Greta Thunberg no Parlamento britânico. Foto: Evening Standard

Dizendo a verdade: Greta Thunberg e os jovens grevistas britânicos foram ao Parlamento do Reino Unido somar suas vozes à mobilização climática. Greta apontou indícios da falta de compromisso e do apoio contínuo do governo aos combustíveis fósseis. Ela classificou como “mais que absurda” a guinada para o desenvolvimento do fraturamento hidráulico e de novas minas de carvão.

Emergência climática: Em 1º de maio, o Parlamento respondeu declarando emergência climática – como já tinha feito o governo do País de Gales. “Essa iniciativa pode desencadear uma onda de ações em parlamentos e governos de todo o mundo”, afirmou o líder trabalhista Jeremy Corbyn.

Santa-Catarina-em-risco
Em Santa Catarina, a 350.org Brasil, em conjunto com a COESUS e a PRORIOS, estão levando informação a diversas cidades.

#SalvePapanduva: Papanduva mobilizou autoridades, especialistas e mais de 1.300 pessoas para um seminário de alerta sobre o risco da exploração de xisto na região, com a campanha #SalvePapanduva. >>CONFIRA O VÍDEO<<

Todxs unidxs: A enorme repercussão do evento abriu os olhos das cidades vizinhas, e juntxs já levamos informações também aos municípios de Mafra, Três Barras, Rio Negro, Rio Negrinho, e outros. Estamos organizando um grande abaixo assinado digital contra o xisto em Papanduva e região.

POA contra o Carvão
Carvão Mata! É a oficina que apresentamos na Virada Sustentável em Porto Alegre

Carvão Mata: Estivemos na Virada Sustentável em Porto Alegre e falamos sobre o projeto da maior mina de carvão do Brasil, a Mina Guaíba. O mega empreendimento afetará milhões de famílias e colocará em risco os lençóis freáticos de toda a região.

Sexy Killers: um documentário sobre o carvão viralizou e gerou discussões sobre corrupção política e o futuro do carvão na Indonésia. O filme “Sexy Killers” já tem cerca de 20 milhões de visualizações e mais de mil exibições comunitárias nas duas primeiras semanas após seu lançamento, apesar das tentativas de censura da polícia e das autoridades locais.

Andreia Takua pela saúde indígena no Acampamento Terra Livre
Andreia Takua, campaigner da 350.org e Presidente do Conselho Nacional de Saúde Indígena no ATL 2019.

Acampamento Terra Livre (ATL): A maior mobilização indígena do país ocorre todo mês de abril. Esse ano, o evento levou pautas importantes em um momento delicado. Entre os assuntos discutidos estava a saúde indígena. Andreia Takua, campaigner da 350.org e Presidente do Conselho Nacional da Saúde Indígena foi uma das grandes lideranças do movimento. >>APOIE A SAÚDE INDÍGENA<<

Grande vitória: a tribo indígena Waorani, do Equador, obteve sua primeira vitória contra as empresas petroleiras por meio de uma lei que impede as empresas de explorarem petróleo em terras ancestrais da Amazônia.

Não deixe de assistir

Com sete minutos de duração, o documentário nos leva à ilha de Tigtabon, no sul das Filipinas, onde as formas de vida do povo indígena Sama Badjao correm sérios riscos devido às mudanças climáticas. Assista

Use o seu poder

Por enquanto é isso! Lembre-se de encaminhar este e-mail a seus amigos. Se você ainda não se inscreveu para receber a Notícias Zero Fósseis, clique aqui.

FacebookTwitter